O livro que mudou a minha vida

Vi na página da Hypeness no Facebook uma matéria sobre o projeto Histórias Além da Capa e me inspirei a falar do livro que mudou a minha vida: A elegância do ouriço, da francesa Muriel Barbery.

Comprei o livro por acaso. Passando por uma livraria, vi uma pilha de exemplares perto do caixa, com o preço de R$9,99. Perguntei ao vendedor se era bom e ele respondeu que o livro havia ganho vários premios e era um best-seller. Na hora pensei “Dez reais e se passa em Paris. Vou levar.” Confesso que só comecei a ler porque estava obcecada por Paris na época, mas assim que comecei a ler a história de Renee e Paloma, fui cativada. O livro tem capítulos alternados de um mesmo ponto de vista de duas pessoas em situações diferentes: Renée, a zeladora de um prédio de luxo em Paris, 54 anos, viúva, “pobre e feia” como ela mesma diz. E do outro lado temos Paloma, 12 anos e meio, filha de um casal rico que mora no prédio e decidida a se matar em seu aniversário de 13 anos.

O que mais me chamou a atenção é que o livro é filosófico, mas escrito de uma maneira acessível. Os pensamentos de ambas as personagens principais se complementam perfeitamente para ilustrar a vida sem sentido da elite francesa, fazendo uma critica sensível sobre a forma que cada um vê a si e aos outros dentro da estrutura social. Mas calma, o livro é legal! O talento precoce de Paloma nos reserva momentos de boas risadas, tiradas através de sua ironia e sagacidade. Já a alma erudita de Renée nos traz uma reflexão interessante sobre como julgamos as pessoas por seus cargos e aparente posição social e nos surpreende a cada palavra com um olhar único sobre o que é belo.

Adoro a forma como a autora trata da cultura japonesa, como enaltece os pequenos rituais diários que criamos com as pessoas que amamos, e como as personagens buscam na simplicidade a forma máxima da felicidade. O livro mudou a minha vida com esse olhar filosófico e humano da vida comum, do dia a dia de duas pessoas tão diferentes e ao mesmo tempo tão parecidas. Muriel mudou a minha vida por me fazer ver que, apesar de diferenças sociais, todos os seres humanos tem aspirações e desejos de amor, de aceitação, de amizade e de reconhecimento. Depois de ler o livro, mudei meu olhar a cerca do que é realmente belo, das coisas que realmente fazem nossa vida mais bonita todos os dias. Aprendi a olhar para os flores que nascem no jardim e me sentir feliz por poder ve-las, aprendi a apreciar as horas de descanso como um momento de aprendizado e crescimento. E me apaixonei pela cultura japonesa.

Acredito que a maior lição que levo do livro está na frase: “Viver, morrer: são apenas consequências daquilo que se construiu. O que conta é construir bem.”

Mãos à obra. 🙂

Desafio 30 Dias de Transformação

Nas duas últimas semanas tive muita dificuldade em manter uma rotina normal. E se normal não estava possível, imagine saudável! Então, decidi montar um cronograma, baseado em um desafio de 30 dias para poder manter algumas práticas mesmo em dias complicados. Por que 30 dias? Bem, demoramos em média 21 dias para mudar um hábito, então acredito que 30 dias vão me ajudar a me adaptar a fazer isso todos os dias! Já aviso que essas práticas são focadas em coisas que funcionam PARA MIM, e pode ser diferente para cada um. Se você achar legal manter um desafio para você, estude seu corpo, peça ajuda de profissionais, para fazer uma rotina que se adapte a SUA VIDA.

Dividi o desafio em três grupos: corpo, mente e espírito. Algumas práticas vão englobar um ou dois grupos, mas a maior parte vai ter foco em apenas um grupo. Vamos lá?

Corpo

Todo mundo sabe que uma vida equilibrada depende de um corpo equilibrado. Então, nosso desafio começa com a prática de exercícios. Eu já corro – ando meio preguiçosa, confesso – mas já pratico esse exercício há algum tempo. Então, começo todo meu desafio para o corpo baseado na corrida e já com um tempo elevado de pratica. Aqui deixo uma dica: se você não se exercita, comece pela caminhada leve por pouco tempo para não correr o risco de se machucar e ter que ficar de molho por vários dias enquanto se recupera. Lembre-se que uma volta do quarteirão já é mais do que você fez ontem.

Mas nem só de corrida vive o corpo, então coloquei alguns exercícios de fortalecimento. Esse desafio foi elaborado com a ajuda de um amigo educador fisico, então não copie para você, pois ele é sob medida para mim! Se você não tem como ter acompanhamento profissional, mantenha a caminhada.

Desafio 30 dias: corpo

 

Dia 01 – 45 min corrida e caminhada, alternadas. Alongamento completo antes e depois.

Dia 02 – 45 agachamentos, 45 stiff, 45 afundos, 45 pontes, 45 air bikes. Todos em 3 séries de 15. Alongamento completo antes e depois.

Dia 03 – 45 min corrida e caminhada, alternados. Alongamento completo antes e depois.

Dia 04 – 30 flexões, 30 segundos prancha, 30 abdominais. 02 séries de 15 cada. Alongamento completo antes e depois.

Dia 05 – 45 min corrida e caminhada, alternados. Alongamento completo antes e depois.

Dia 06 – Apenas alongamento completo.

Dia 07 – descanso.

Repetir por 4 semanas, que dá mais ou menos 30 dias.

Gente, os nomes dos exercícios variam bastante e eu não sei exatamente os nomes corretos. No meu treino feito pelo educador fisico tem os nomes corretos, mas eu coloco os nomes que eu sei pra não ter que ficar olhando qual exercício é qual.

Mente

Eu escrevo – sei que não é novidade pra ninguém, mas é bom pontuar – e por isso ler é uma necessidade para mim. É quase como um trabalho. Eu leio e leio muito, mas ultimamente não tenho encontrado tempo para ler coisas que realmente alimentem minha mente com novos conhecimentos. Assim, meu desafio é baseado na leitura! Você pode fazer um desafio baseado em um curso online, por exemplo, ou em aprender inglês. Minha ideia é alimentar a mente com novos conhecimentos!

Desafio 30 dias: mente.

Mas como eu escrevo, apenas a leitura não alimenta a minha mente. Então coloquei também uma meta de escrita!

Gente, aqui eu não considero livros que leio por prazer, ok? Só aqueles que leio para usar como pesquisa para escrita ou para aprender coisas novas. Por que para leitura por prazer eu sempre tenho tempo!

Dia 01 – 20 minutos de leitura, 20 minutos de escrita.

Dia 02 – 20 minutos de leitura, 20 minutos de escrita.

Dia 03 – 20 minutos de leitura, 20 minutos de escrita.

Dia 04 – 20 minutos de leitura, 20 minutos de escrita.

Dia 05 – 20 minutos de leitura, 20 minutos de escrita.

Dia 06 – descanso.

Dia 07 – descanso.

Repete por 4 semanas, que dá mais ou menos 30 dias.

Espírito

Infelizmente eu não sou o tipo de pessoa que vai à igreja. Acho importantíssimo manter a fé e alimentá-la, mas eu sempre me atrapalho com compromissos que tem horário marcado! Então meu desafio para o espírito se baseia em práticas que eu posso fazer em casa mesmo. Você pode colocar como desafio ir à igreja, por exemplo.

Desafio 30 dias: espírito.

Dia 01 – 20 minutos meditação, lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Dia 02 – 20 minutos de meditação, lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Dia 03 – 25 minutos de meditação lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Dia 04 – 25 minutos de meditação lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Dia 05 – 30 minutos de meditação lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Dia 06 – 30 minutos de meditação lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Dia 07 – 30 minutos de meditação lista de gratidão, fazer oração de agradecimento antes das refeições e antes de dormir.

Repete por mais 03 semanas, que dá mais ou menos 30 dias.

A lista de gratidão é um caderninho que eu mantenho comigo e onde anoto todas as coisas pelas quais sou grata. Faz algum tempo que não anoto nada e quero ter por hábito anotar todos os dias! As orações antes das refeições e antes de dormir, são uma maneira de agradecer a Deus por tudo que tenho, diretamente!

Aqui não tem descanso, por que eu entendo que é um hábito do qual eu não precise descansar pra recarregar as energias, como nos exercícios físicos e leitura.

Conclusão

Somando o tempo diário de cada desafio eles significam um pouco menos de duas horas por dia. Pode parecer muito se pensarmos na rotina corrida que temos, mas se pensar que são duas horas dedicadas a você, parece bem pouco. Passamos o dia nos dedicando ao trabalho, aos afazeres de casa, aos familiares, não poder tirar duas horas para si me parece injusto. Para não pesar, eu divido o tempo dos exercícios: de manhã, antes de ir pro trabalho, tiro meus 20 minutos de escrita. Na hora do almoço, tiro os 20 minutos de leitura. No fim do dia, logo que chego em casa, faço os 45 minutos de exercícios. A meditação faço antes de dormir, bem como a lista de gratidão.

Percebi que quando coloco essas práticas como um compromisso, flui muito melhor do que quando as encaro como algo que pode ser adiado. Se pode ser adiado, qualquer outro compromisso faz com que eu pule um dia, dois, três, mas quando é compromisso fica como se eu tivesse um horário marcado comigo e não posso transferir. Óbvio que quando tenho um jantar com meu namorado ou um show bacana pra ir, saio da rotina sem medo. Mas no dia seguinte mantenho o foco e volto a rotina para não perder a mão!